Vida, Amor e Perdão

Vida, Amor e Perdão
O que é mais importante, perdoar ou pedir perdão?
Quem perdoa mostra que ainda crê no amor. Quem perdoa mostra que ainda existe amor para quem crê. Mas não importa saber qual das duas coisas é mais. É sempre importante saber que: Perdoar é o modo mais sublime de crescer; e pedir perdão é o modo mais sublime de se levantar...
O que é mais: amar ou ser amado?
Amar significa tudo aquilo que todo mundo deve.
Ser amado significa tudo aquilo que todo mundo deseja. Mas não importa saber qual das duas coisas é mais. E sempre importa saber que: Ninguém pode querer amar sem se esquecer; e ninguém pode querer ser amado sem se lembrar de todos. 
Abrir o coraçãoO que é mais: Abrir a porta ou abrir o coração?
Quem abre a porta mostra que vai receber alguém. Quem abre o coração quer que ninguém fique fora. Mas não importa saber qual das duas coisas é mais. E sempre importa saber que: Abrir a porta é o modo mais delicado de ser bom; e abrir o coração é o modo divino de amar... 
O que é mais: Ir á lua ou ficar na terra?
Quem vai á lua vê mais um tanto de tudo que Deus fez. Quem fica na terra vê mais um tanto do que o homem pode. Mas não importa saber qual das duas coisas é mais. E sempre importa saber que: Quem vai à lua deve voltar à terra; e quem fica na terra deve ir aos outros...
O que é mais: Dar ou estender as mãos? 
Perdoar com amor no coraçãoQuem dá mostra que se despoja de alguma coisa. Quem estende as mãos mostra que quer alcançar alguém. Mas não importa saber qual das duas coisas é mais. E sempre importa saber que: Dar é um gesto de bondade; e estender as mãos é um gesto de bondade que sublima...
O que é mais: Levar rosas ou enxugar lágrimas?
Quem leva rosas mostra que se lembrou de alguém na felicidade. Quem enxuga lágrimas mostra que não esqueceu de alguém na infelicidade. Mas não importa saber qual das duas coisas é mais. E sempre importa saber que: Levar rosas é um gesto de amor que todo mundo faz; e enxugar lágrimas é um gesto que só o amor faz a todo mundo!... (Fenix Faustine)

Pecado danifica relaçãoO pecado danifica as relações entre as pessoas como prejudica nossa relação com nosso Criador. A pessoa contra quem se pecou frequentemente se sente ferida, talvez irada pela injustiça do pecado cometido. O perdão é necessário para a cura espiritual da relação, mas precisamos preparar nossos corações para perdoar. Precisamos aceitar a injustiça do ferimento, a deslealdade do pecado, e ficarmos prontos para perdoar. Mesmo se o pecador se recusar a se arrepender, não podemos continuar a nutrir a raiva, ou ela se tornará em ódio e amargura. Ainda que o pecador possa manter sua posição como transgressor por causa de sua recusa a se arrepender, seu pecado não deverá dominar meu estado emocional. E o remédio para esta prática é o Amor... Ame e viva, perdoe e seja feliz!

Se errou, peça descupasSe você errou, peça desculpas... É difícil perdoar? Mas quem disse que é fácil se arrepender?
Se você sente algo diga... É difícil se abrir? Mas quem disse que é fácil encontrar alguém que queira escutar?
Se alguém reclama de você, ouça... É difícil ouvir certas coisas? Mas quem disse que é fácil ouvir você?
Se alguém te ama, ame-o... É difícil entregar-se? Mas quem disse que é fácil ser feliz? Nem tudo é fácil na vida... Mas, com certeza, nada é impossível... (Cecília Meireles)

O amor deveria perdoar todos os pecados, menos um pecado contra o amor. O amor verdadeiro deveria ter perdão para todas as vidas, menos para as vidas sem amor. (Oscar Wilde)

Ser feliz é encontrar força no perdão, esperanças nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros. É agradecer a Deus a cada minuto pelo milagre da vida. (Fernando Pessoa)

Ame seus inimigos, faça o bem para aqueles que te odeiam, abençoe aqueles que te amaldiçoam, reze por aqueles que te maltratam. (Jesus de Nazaré)

Perdoe e seja feliz

Abraços e muita paz!!!

Vida, Amor e Perdão Vida, Amor e Perdão Reviewed by Luis Eduardo Pirollo on fevereiro 16, 2013 Rating: 5
Nenhum comentário: