Começa por ti

Tua natureza divina não foi feita para ser aprisionada à sombra do sofrimento, fora do alcance de Deus, e sim para expandir, crescer, para assim, reencontrar sua real função. 

És a flecha que tem por destino ser arremessada ao tronco do conhecimento e, se forças em direção contrária, cais em depressão, por negares ao teu ser a tua real necessidade que é a de estares livre, presente na tua realidade divina. Deves saber que as coisas não precisam acontecer nesta ordem.

Tens a opção em escolher novamente, sempre que sentires a ausência do teu coração em tuas decisões,
ou seja, a ausência da paz de espírito. Volta, recolhe teu ser no silêncio que habita tua morada, e lá, começa por ti.

O que queres que não podes ter?
Nesta frase tão curta, reside todo o emaranhado de fios que te sufocam a cada dia.
Começa por ti e em ti.
Aprende a conhecer tuas reais necessidades e começa por elas.
Uma a uma, purificando teu ser do sofrimento que tens te causado por todo este tempo.
Desacredita da tua má sorte e põe tua atenção, teu coração no conhecimento que está dentro de ti, em silêncio, a esperar-te para dar-te a paz, a certeza de quem és.

“Para cultivar a sabedoria, é preciso força interior. Sem crescimento interno, é difícil conquistar a autoconfiança e a coragem necessárias. Sem elas, nossa vida se complica. O impossível torna-se possível com a força de vontade.”
(Dalai Lama)

O homem vulgar costuma estimar as expectativas ansiosas, à espera de acontecimentos espetaculares, esquecido de que a Natureza não se perturba para satisfazer a pontos de vista da criatura.” (Emmanuel)

“É graça divina começar bem. Graça maior persistir na caminhada certa. Mas graça das graças é não desistir nunca.” (Dom Hélder Câmara)

A constância é contrária à natureza, contrária à vida. As únicas pessoas completamente constantes são os mortos. (Aldous Huxley)

Imaginar é o princípio da criação. Nós imaginamos o que desejamos, queremos o que imaginamos e, finalmente, criamos aquilo que queremos. (George Bernard Shaw)

É uma perfeição absoluta, como que divina, o sabermos desfrutar lealmente do nosso ser. (Michel de Montaigne)


  Abraços a todos!!!
Começa por ti Começa por ti Reviewed by Luis Eduardo Pirollo on maio 14, 2012 Rating: 5
Nenhum comentário: