Vida do muito querer e pouca iniciativa

Vida do só querer

Hoje parece que presenciamos a vida do muito querer e de pouca iniciativa construtiva. Dizem que não há contradição entre disciplina e iniciativa. Sabemos que elas complementam-se. Segundo Victor Hugo, iniciativa é fazermos o que está certo sem ser preciso que alguém nos diga para fazermos tal.

Em relação a todos os atos de iniciativa e de criação, existe uma verdade fundamental cujo desconhecimento mata inúmeras ideias e planos esplêndidos: a de que no momento em que nos comprometemos definitivamente, a providência move-se também.

Toda uma corrente de acontecimentos brota da decisão, fazendo surgir a nosso favor toda sorte de incidentes e encontros e assistência material que nenhum homem sonharia que viesse em sua direção.

Vida da genialidade e iniciativa
O que quer que você possa fazer ou sonhe que possa, faça. Coragem contém genialidade, poder e magia. Comece agora. (Johann Goethe)


Morte
É difícil acordar-se numa manhã e acreditar e em breve irá morrer.
- Em breve? Mas como em breve?

A vida é muito curta para ficar pairando o desnecessário. Gostamos de perder tempo com o nada, querendo tudo.

Somos egoístas de nós mesmos!
É bom ser velho, quando ainda novo!

O pensamento maduro conforta as mentes mais desesperadas em busca de um conhecimento, em busca de algo que lhe conforte.

O pensar, hoje, é algo para poucos, para os mais loucos, para os mais fora do padrão da sociedade capitalista!

Hoje, o que importa não é a morte, e sim o dinheiro, o consumismo, eu quero, eu compro, eu isso, eu aquilo.

- Mas...
Não há mais e nem menos! Simplesmente é assim, somos sujeitos de vontades, de desejos, de muitos quereres e poucas iniciativas...

Gostamos muito de esperar pelo amanhã.
- Ah, amanhã eu faço isso...
Será?!

Retorno a dizer, o amanhã é tarde para fazer o que já deveria estar fazendo.

A morte não irá estacionar seu belo transporte, sentar na poltrona enorme dela e esperar você fazer o que, anteriormente, sempre quis fazer.

O tempo é curto, a estrada é longa e a viagem é uma só.
Viva o agora, seja feliz agora, isso é o que importa.

Quanto ao amanhã, poderemos não mais estar aqui para presenciar um “amanhã”. (Felipe Lima de Andrade)

E Lembre-se: você é seu próprio general. Então, tome agora a iniciativa, planeje e marche decido para a vitória. (Sun Tzu)

Abraços e muita paz!

Vida do muito querer e pouca iniciativa Vida do muito querer e pouca iniciativa Reviewed by Luis Eduardo Pirollo on dezembro 01, 2016 Rating: 5
Nenhum comentário: