Poder, amor, harmonia, verdade e justiça

Poder, amor, harmonia, verdade e justiça
Justiça é consciência.
Seja qual for a função que estivermos desempenhando no cenário da vida, devemos aprender o exercício do amor, harmonia, verdade e justiça.
É preciso viver a realidade do ser pela afirmação do amor. O ponto fundamental da existência é o conhecimento para criar a prontidão da participação harmônica na vida universal. Traduzindo no cotidiano esse conhecimento em exercício de fraternidade, tolerância, consciência, construção, perdão, resignação, esperança, amor, estaremos aptos à felicidade.


O conhecimento embasado pelo amor dignifica e edifica o espírito humano.

(Extraído da obra: No Cenário da Vida) 
O homem procura um princípio em nome do qual possa desprezar o próprio homem. Inventa outro mundo para poder caluniar e sujar este; de fato só capta o nada e faz desse nada um deus, uma verdade, chamados a julgar e condenar esta existência. (Friedrich Nietzsche)
Poder, Justiça e Amor

Justiça é consciência, não uma consciência pessoal, mas a consciência de toda a humanidade. Aqueles que reconhecem claramente a voz de suas próprias consciências normalmente reconhecem também a voz da justiça. (Alexander Solzhenitsyn)

Coisas ruins não são o pior que pode nos acontecer. O que de pior pode nos acontecer é nada.
Uma vida fácil nada nos ensina. No fim, é o que aprendemos o que importa: o que aprendemos e como nos desenvolvemos.
Traçamos nossas vidas pelo poder de nossas escolhas. Quando nossas escolhas são feitas passivamente, quando não somos nós mesmos que traçamos nossas vidas, nos sentimos frustrados.
Uma pequena mudança hoje pode acarretar-nos um amanhã profundamente diferente. São grandes as recompensas para aqueles que têm a coragem de mudar, mas essas recompensas acham-se ocultas pelo tempo.
Plante Amor e PazGeramos nossos próprios meios. Obtemos exatamente aquilo pelo que lutamos. Somos responsáveis pela vida que nós próprios criamos. Quem terá a culpa, a quem cabe o louvor, senão a nós mesmos? Quem pode mudar nossas vidas, a qualquer tempo, senão nós mesmos?
Deus sabe que isto é verdade.
(Richard Bach)

Na ausência de justiça, o que é o poder constituído senão pilhagem organizada. (Santo Agostinho)

Quando alguém vos mostrar os grandes e poderosos da terra e vos disser: Aí estão os teus amos, não lhe deis ouvidos. Se forem justos, serão vossos servidores; se injustos, vossos tiranos. (Félicité Robert de Lamennais)

Justiça e Juízo

Que Deus abençoe a todos!

Abraços e muita paz!!!



Poder, amor, harmonia, verdade e justiça Poder, amor, harmonia, verdade e justiça Reviewed by Luis Eduardo Pirollo on maio 01, 2013 Rating: 5
Nenhum comentário: