Encontrando um culpado

Encontrando um culpado
Estamos sempre empurrando... tentando encontrar um culpado pelo nosso comodismo...
Costumamos querer empurrar para o “modo” pelo qual o dia se apresenta a culpa pela maior ou menor parcela de construções que edifiquemos no decorrer das vinte e quatro horas:
- Hoje o dia estava “embaçado”, não dando coragem para ninguém fazer nada...
- Hoje o calor está demais! Dá uma preguiça...
- Com essa chuva caindo desde cedo acabo ficando melancólico e indisposto!
- Que céu azul lindo! Hoje estou disposto... 
Sempre a velha desculpaSempre a velha desculpa de que o que se passa fora de nós é que nos influi no que fazemos diariamente. No fundo é realmente uma velha desculpa, pois nós somos seres dotados de capacidades e talentos múltiplos e recebemos um convite diário a muito fazer por nós, pelos demais seres e pela vida.
Seja qual for o dia, é dia de construir, amar, realizar, aprender, trabalhar...
Não importa como a Natureza se apresente lá fora, não importa nos obstáculos que enfrentemos em casa, na rua, no trabalho, na vizinhança, no templo religioso, ou em qualquer outro lugar, o dia é um tesouro inestimável e deve ser profundamente sentido e vivido. Precisamos amadurecer mais e superar os óbices que a vida nos coloca adiante no caminho. 
Sempre encontramos uma desculpaEnxergar tal oportunidade é demonstrar maior lucidez e bom senso. Seja qual for o dia, que a fé jamais se desvaneça, que o nosso ideal jamais se dissolva, que nosso amor se multiplique, que nossos olhos nos ensinem a “enxergar” as outras pessoas com maior ternura e carinho, enfim, que nosso coração seja pródigo em espalhar alegria, paz e serenidade. Assim, seja qual for o dia...

Você é quem escreve a história de sua vida - ao optar pelas atitudes construtivas - você cresce como ser humano e filho dileto de Deus.
Positivo atrai positivo.
Alegria chama alegria.
Otimismo atrai energia.
Seja Incansavelmente otimistaAo exalar esse estado otimista, nossa consciência desperta energias vitais que vão trabalhar na direção de suas metas.
Seja incansavelmente otimista. Faz bem para o corpo, para a mente e para a alma.
É humano e natural viver aflições, só não é inteligente conviver com elas por muito tempo.
Seja mais paciente consigo mesmo, saiba entender suas limitações.
Sem esforço não existe vitória.
Ao escolher com sabedoria viver sua vida com otimismo, seu coração sorri, seus olhos brilham e a humanidade agradece por você existir. (Pablo Neruda)

O pessimista vê dificuldade em cada oportunidade; o otimista vê oportunidade em cada dificuldade. (Winston Churchill)

Evite desencorajar-se: mantenha ocupações e faça do otimismo a maneira de viver. Isso restaura a fé em si. (Lucille Ball)

Acredite, sonhos podem se tornar realidade, pense positivo!

Circustância se cria

Abraços e muita paz!!!


Encontrando um culpado Encontrando um culpado Reviewed by Luis Eduardo Pirollo on fevereiro 10, 2013 Rating: 5
Nenhum comentário: