Para onde ir?

Tive duas conversas esta semana com pessoas que pareciam estar em dois lugares diferentes em suas vidas.
Um encarava o êxito e o outro encarava o fracasso.
Ambos estavam infelizes.
O primeiro homem tinha finalmente alcançado um objetivo na vida e que lhe tomara vários anos de esforço.
- Era tudo o que eu não queria. Ele disse.
O outro homem tinha recentemente experimentado grande perda na sua vida.
- Era tudo o que eu não queria. Ele disse.
O bem sucedido ficara triste e deprimido porque sentia que a vida acabara para ele.
- Não há nada mais que eu possa fazer! Contou-me.
O homem que enfrentava a grande perda estava triste e deprimido porque sentia que a vida acabara para ele.
Ele também disse:
- Não há nada mais que eu possa fazer!
Estão certos? Nenhum deles. Estão ambos nos lugares exatos.
Há tanto adiante de você depois de um ganho como há depois de uma perda.
É como jogar seu esporte favorito. Se perde o jogo, você deve avaliar as razões, planejar melhor as suas possibilidades e continuar lutando.
Se ganha, deve avaliar as razões, planejar melhor suas possibilidades e continuar lutando para permanecer um vencedor.
Ambos colocaram muito valor e importância nas coisas que eles tinham, ao invés de em quem eles eram.
O homem bem sucedido não ganhou nada se a viagem até aquele êxito não o inspirou para nada mais.
Que lições aprendeu? O que pode ensinar aos outros?
O homem que encarava a perda, verdadeiramente fracassara porque ele não achou nada de valor ao perder.
Que lições aprendeu? O que pode ensinar aos outros?
O homem bem sucedido ficou sobre o topo da montanha e não ganhou a vista.
O homem que nunca alcançou o topo ficou parado olhando para cima.
Ambas viagens são o que eu chamo de "inspiração de Deus".
Nada do que fazemos, nada do que acontece, simplesmente termina. Continuará em outra forma. É como arremessar uma pedra num tanque imóvel. O impacto inicial criará ondulações através da água que eventualmente param.
Mas a presença  agora da pedra na água mudou tudo. 
Aquela pedra deslocou água.
O sucesso do primeiro homem enviou ondulações ao mundo.
Sua viagem ao sucesso e sua chegada mudou tudo.
A tentativa fracassada do outro também enviou ondulações pelo mundo. Seu fracasso  mudou tudo.
Depois de contar a história da pedra, aos dois eu perguntei:
- Para onde você vai a partir daqui?
Em ambos os casos houve silêncio.
- Deus criou você e a pedra. A pedra não tem nenhuma escolha, permanecerá ali.
Infelicidade é inspiração esperando acordar para a vida.
É um sinal da existência da "Inspiração de Deus".
Se você está mergulhado em infelicidade, descubra a inspiração dentro dela. Pergunte-se:
- Para onde ir a partir daqui?
E escute. Deus falará com você.
(Bob Perks)

O sucesso nasce do querer, da determinação e persistência em se chegar a um objetivo. Mesmo não atingindo o alvo, quem busca e vence obstáculos, no mínimo fará coisas admiráveis.
(José de Alencar)


Abraços e muita paz!
Para onde ir? Para onde ir? Reviewed by Luis Eduardo Pirollo on agosto 14, 2012 Rating: 5
Nenhum comentário: