Reflexão sobre a vida

Reflexão sobre a vida
Certo dia, quando os primeiros raios de luar começavam a pratear a noite, o jovem se recolheu ao leito. Vinha de um dia confuso, conturbado. Era vítima da doença do século - o stress. Andava nervoso, descontente, pessimista. O mundo mais se lhe assemelhava a um amontoado de problemas sem solução.
Não sabia ao certo para que viver, em nada via objetivo, talvez mais lhe valesse tirar proveito do momento presente, "curtir a vida" afinal, alguém lhe havia dito que esta é como uma ladeira que se desce de skate.
Assim que adormeceu eis que um alguém vem lhe buscar para agradável passeio.
Era uma senhora simpática e bondosa que sorrindo pediu-lhe que a acompanhasse. O jovem aquiesceu partindo prontamente. Iriam visitar um lugar interessante, diferente daqueles que o rapaz conhecia onde havia alegria, solidariedade, amor. Percorreram belas florestas, rios caudalosos, subiram montanhas, apreciaram o pôr-do-sol, observaram as ondas morrendo na praia, as primeiras azaléias da primavera brotando no jardim. O jovem estava deslumbrado.
Andaram ainda adiante, precisam ver outras coisas, dizia a senhora. Visitaram escolas e viram dedicados professores iluminando mentes infantis, viram médicos salvando vidas e trazendo outras tantas vidas ao mundo. Viram enfermeiros dedicados socorrendo os doentes, administradores conscientes construindo o progresso, operários laboriosos erguendo casas. Viram pessoas dividindo o pão, os sonhos, as alegrias.
Viram amigos, famílias felizes, crianças alegres. Porém no horizonte eis que o sol surgia, era hora de voltar. O rapaz vinha pesaroso, não queria retornar. Que lugar maravilhoso era aquele que havia visitado? Por certo seria o paraíso. A senhora que ia um pouco a frente parou por um instante e disse-lhe:
- Meu jovem, passas por estes mesmos caminhos todos os dias, levei-te a ver o mundo que enxergas sob lentes tão duras e pessimistas. Basta que mudes teu modo de ver as coisas e descobrirás ao teu redor inúmeras chances de ser feliz. 
O mundo é povoado de coisas boas e más, de sorrisos e de lágrimas, mas cabe a nós fazê-lo melhor a cada dia. Cabe a nós manter acesa a luz da esperança e um futuro tão brilhante como o sol que agora surge, irá aparecer a nossa frente. Por certo, meu filho, nem ao menos me reconheceste, sua mãe que prometeu te orientar e guiar os teus passos, mas que tão poucas vezes recebeu de ti atenção e crédito.

Perplexo, o rapaz parou por um instante. Por quanto tempo esteve cego pretendendo ser realista e antenado com a modernidade. Retornou ao corpo, o relógio anunciava a hora de despertar. Porém, hoje não despertava apenas para um novo dia, despertava para uma nova vida, para uma nova batalha. 

(Maktub)


Tenha um excelente dia!

Reflexão sobre a vida Reflexão sobre a vida Reviewed by Luis Eduardo Pirollo on agosto 24, 2010 Rating: 5
Nenhum comentário: